Nokia e Microsoft fecham acordo para produção de smartphones

A demora da finlandesa Nokia para admitir os seus erros está levando a companhia a tomar decisões drásticas e, a princípio, não muito lucrativas para a empresa. Nesta sexta-feira, a fabricante de celulares anunciou uma parceria com a Microsoft para o desenvolvimento de smartphones com o sistema operacional móvel Windows Phone 7. A notícia caiu como uma bomba na Bolsa de Helsinque, que registrou que de 10% nas ações da empresa.

A decisão foi tomada pelo atual CEO da empresa, Stephen Elop, que já foi funcionário da Microsoft. No cargo há quase cinco meses, ele já demonstrou que não tem medo de expressar suas opiniões. Em um memorando interno para os funcionários da Nokia, Elop afirmou que a companhia tomou diversas decisões erradas, dizendo que a companhia chegou a um estado crítico e apontando que a plataforma Symbian “está em chamas”.

A união coma Microsoft pode simbolizar um passo na direção certa para a companhia, que ainda tem a opção de desenvolver dispositivos com o sistema operacional do Google – o Android. No entanto, essa opção ainda não passa de um leve rumor que pode não se concretizar, devido o alinhamento da diretoria da Nokia com a Microsoft.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *