Google e o levante contra a censura no Egito

Uma das coisas que colocou o Google em sua posição atual foi a capacidade de agarrar as oportunidades – nem todas com fins explicitamente lucrativos. Dito isso, em resposta ao bloqueio do Twitter no Egito, a gigante das buscas decidiu entrar no conflito e disponibilizar um serviço de que permite o acesso ao microblog via telefone.

“Estamos acompanhando as notícias que surgem no Egito e pensando no que podemos fazer para ajudar as pessoas envolvidas”, apontou a companhia em um post publicado na última segunda-feira.

O processo é simples. O usuário deve ligar para um dos números indicados no post oficial e deixar sua mensagem de voz. O sistema converte o conteúdo em uma mensagem de voz, como um voice mail, e encaminha o link para o Twitter, que inclui a tag #egypt.

Os engenheiros do Twitter fizeram questão de auxiliar a inciciativa, realizada com auxílio da tecnologia desenvolvida pela empresa SayNow, recém adquirida pelo próprio Google.

O endereço do sistema é: www.twitter.com/speak2tweet

No Comments

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *